4 formas de cortar gastos na empresa!

Entender como cortar gastos na empresa pode facilitar a superação de alguns dos principais desafios da administração, como alcançar a autossuficiência da organização, criar condições para o seu crescimento e enfrentar crises.

Além disso, em um cenário de grande competição e risco de mudanças nos encargos legais, a minimização das despesas concede a flexibilidade necessária para lidar com essas contingências. Isso porque a organização terá melhores condições para decidir quando repassar os custos para os clientes e quando suportar um aumento.

Então, continue lendo este artigo para conhecer 4 formas de como cortar gastos na empresa e contar com todos os benefícios de uma lista de despesas mais enxuta!

1. Reduza os custos fixos e variáveis

As empresas lidam com duas espécies básicas de custos: fixos e variáveis. Os primeiros permanecem inalteráveis mesmo com o aumento da produção ou da entrega de serviço, ao passo que os segundos sobem a medida que esses fatores crescem.

Por exemplo, se uma transportadora fizer 20% a mais de fretes em um mês, o preço do aluguel (custo fixo) permanece inalterado, enquanto os gastos com gasolina (custo variável) aumentam.

Nesse sentido, o ponto de partida do corte de gastos é mapear os processos da empresa e traçar planos para minimizar as despesas. Uma dica é utilizar o ciclo de iteração, veja!

  • Observação: olhar um procedimento e pensar o que funciona e o que não funciona;
  • Reflexão: analisar o que pode ser melhorado e as opções disponíveis;
  • Avaliação: com os dados obtidos, separar as ideias com maior impacto;
  • Escolha: decidir o que será mudado;
  • Ação: colocar a mudança em prática;
  • Mensuração: verificar se os resultados foram positivos ou negativos.

A cada repetição dessa ferramenta de gestão, o administrador aprimora os processos existentes, nesse caso, com o objetivo de reduzir os custos das atividades e evitar desperdícios.

2. Melhore as negociações com fornecedores

A segunda dica sobre como cortar gastos na empresa é a melhoria das negociações com fornecedores, já que boa parte das despesas são frutos desses contratos — e, geralmente, há uma margem para atuação nessa área. Entre outras medidas, foque nos seguintes aspectos para minimizar gastos:

  • analisar a necessidade da empresa, evitando aquisições inúteis e desperdícios;
  • prospectar novos fornecedores com frequência para não ficar refém de um grupo específico;
  • firmar relações de longo prazo com fornecedores que concedem, de fato, uma situação vantajosa;
  • buscar parceiros interessados em crescer em conjunto com o negócio;
  • tentar descontos em grandes aquisições.

3. Invista em tecnologia

A redução de custos é o motivo de, muitas vezes, o investimento em tecnologia ser considerado de rápido retorno. Logo, essa é uma prática que não poderia ficar de fora da lista.

De fato, os softwares de gestão e outras soluções de informática otimizam os processos da empresa, permitindo que se faça mais com uma despesa mais baixa. Veja alguns exemplos:

  • automatização de processos e, consequentemente, da redução da carga de trabalho e da necessidade de mão de obra;
  • eliminação de despesas com material de escritório, especialmente papel;
  • controle das demandas da empresa e, portanto, redução de desperdícios;
  • organização dos quadros de colaboradores e gestão de jornada, cortando gastos com horas extras.

4. Procure o auxílio de profissionais especializados

Outro investimento com retorno rápido é a aquisição de conhecimento contábil e financeiro para organização. Com uma equipe de consultores, o administrador tem maiores possibilidades de identificar as despesas equivocadas e corrigir os rumos da gestão.

Isso ocorre porque, muitas vezes, a tomada de decisão exige um diagnóstico técnico da situação econômico-financeira do negócio, o que é obtido por meio de relatórios e demonstrativos voltados para esse propósito.

Sendo assim, antes de pensar em como reduzir custos na empresa, procure profissionais com know-how suficiente para identificar e minimizar as despesas da organização. Dessa forma, você realizará uma mudança significativa e segura.

Pois bem, agora que você já sabe como cortar gastos na empresa, assine nossa newsletter para receber outros conteúdos relevantes e ficar sempre atualizado com as melhores práticas de administração de empresas!

Foque no seu negocio

Receba nossas dicas de planejamento tributário e advocacia preventiva para aumentar a competitividade da sua empresa

Obrigado!

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"