Afinal, como organizar meu planejamento tributário?

Devido à complexa carga tributária que incide sobre as empresas brasileiras, podemos definir que os impostos são um tormento na vida de muitos empreendedores.

Mesmo que você opte por um regime de arrecadação simplificada, muitas dúvidas ainda surgem quanto ao cumprimento de suas obrigações tributárias. Portanto, a melhor maneira de lidar com isso é elaborar um planejamento tributário! 

Ficou interessado no assunto? Quer conhecer mais sobre os tributos? Então, esse artigo foi desenvolvido especialmente para você. Acompanhe! 

O que é planejamento tributário? 

Por definição, é uma técnica contábil que permite as organizações reduzirem o pagamento de seus tributos, buscando uma maior economia financeira e contribuindo para a redução da altíssima carga tributária. 

Além disso, outro importante fator é que ele ajuda os empresários a escolherem o melhor regime tributário para a empresa. Atualmente, existem 3 tipos de regime no Brasil: o simples nacional, o lucro real e o lucro presumido. 

Dessa forma, quanto mais cedo você conhecer a importância do planejamento, mais fácil será a sua organização empresarial

Quais são os tipos de planejamento tributário?   

Formular um planejamento tributário, talvez seja um dos principais desafios para a contabilidade, pois, é importante conhecer os tipos de planejamento que as empresas podem optar. Desse modo, é possível destacar duas esferas nas quais a gestão dos tributos podem ser aplicadas. Confira! 

Planejamento Tributário Operacional 

Trata-se dos procedimentos estabelecidos na sua empresa para que seja executado o cumprimento de todas as exigências legais, como, por exemplo: cumprir a escrituração das operações, o pagamento e a redução dos impostos e a prevenção de riscos tributários.

Planejamento Tributário Estratégico 

Antes de haver qualquer planejamento operacional, necessariamente haverá o estratégico. Dessa forma, é possível determinar o regime tributário apropriado para a sua empresa, conhecer as particularidades fiscais, exigências do ramo de atividade, estrutura de capital, entre outras necessidades de uma organização.  

Sendo assim, é importante que os empreendedores encarem que o planejamento tributário é a melhor estratégia para uma organização crescer no mercado. 

Por que é importante fazer um planejamento? 

Você quer um bom motivo para fazer esse planejamento? Pois bem, que tal o grande aumento da carga tributária nos últimos anos? Devido a esse crescente aumento, as organizações necessitam estar cada vez mais atentas. Afinal, cumprir com o pagamento das responsabilidades fiscais não é tarefa fácil para nenhum empresário. 

Por fim, é importante lembrar a necessidade de zelar pelo patrimônio da empresa. Assim, a melhor maneira para que isso aconteça é trabalhar em um planejamento tributário com a ajuda de um escritório contábil e, até mesmo, uma advocacia preventiva

Afinal, o planejamento tributário é vantajoso? 

Antes de realizar a implementação de qualquer estratégia organizacional, é importante analisar as suas vantagens. Portanto, se você ainda não conta com um planejamento tributário confira seus principais benefícios: 

  • evita a ocorrência de autuações; 

  • aumenta a competitividade de sua empresa; 

  • reduz os custos associados à prestação dos seus serviços; 

  • permite a escolha de um regime tributário adequado; 

  • beneficia-se dos incentivos fiscais. 

Agora que conhecemos mais sobre o planejamento tributário, é importante que você execute um para a sua empresa. Afinal, é a maneira mais segura de reduzir a carga tributária!

Então, este conteúdo foi relevante para você? Deseja saber como podemos auxiliar o seu negócio? É fácil, basta entrar em contato com a nossa empresa! 

Foque no seu negocio

Receba nossas dicas de planejamento tributário e advocacia preventiva para aumentar a competitividade da sua empresa

Obrigado!

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"